Autoconhecimento Carreira Comportamento Gerenciamento Liderança e Pessoas

Liderança: entenda se é possível desenvolvê-la

Good leadership

Cada vez mais, a palavra chefia vem sendo substituída por liderança no mundo corporativo. E não se engane: apesar de parecerem sinônimos, são conceitos bastante distintos, que podem fazer uma enorme diferença no que se refere à coordenação das equipes e ao gerenciamento do negócio como um todo. Mas, afinal, qual é a diferença? Simples: enquanto o profissional com perfil de chefe geralmente apresenta características centralizadoras, individualistas e autoritárias, o líder possui competências humanizadas mais desenvolvidas, como empatia, flexibilidade, capacidade de escuta e autocrítica. Bons líderes são capazes de manter seus colaboradores motivados e produtivos, geralmente alcançando metas e objetivos de forma duradoura. Não é de se admirar que esse perfil seja cada vez mais valorizado no mercado de trabalho, certo?

Mas será que é possível desenvolver a capacidade de liderança ou essa é uma característica intrínseca e imutável, inerente somente a alguns sortudos eleitos? Para saber a resposta, confira agora mesmo nosso post de hoje!

É possível desenvolver a liderança?

Pense bem: quem nunca teve um coleguinha que conseguia gerenciar as brincadeiras de maneira genial, envolvendo todos os demais e resolvendo conflitos da melhor forma possível? Mas apesar de algumas pessoas já possuírem essa capacidade desde crianças, desenvolvê-la é questão de esforço e prática.

Para desenvolver qualquer habilidade, a primeira atitude a tomar consiste em uma profunda e detalhada autoanálise. Quais são seus pontos fortes? E os fracos? Pessoas que possuem um bom nível de autoconhecimento sabem exatamente quais pontos devem ser reforçados em sua personalidade, bem como quais devem ser trabalhados e modificados. Não tem como fugir: para se tornar um bom líder, você deverá necessariamente passar por um período de desenvolvimento pessoal profundo.

Existem diversas formas de realizar uma autoanálise efetiva: refletir e escrever sobre isso em um diário ou em um caderno de anotações, investir em práticas meditativas, consultas a terapeutas e analistas ou mesmo travar conversas sinceras com quem o conhece e em quem você confia para conseguir feedbacks sinceras, por exemplo. E se por acaso encontrar dificuldades, nada de desistir, ok? Tenha em mente que esse processo de descobrimento nem sempre é fácil nem mesmo agradável. É preciso, portanto, buscar a melhor maneira de se encontrar e prosseguir. A capacidade de liderança o espera!

Como se tornar um líder?

Munido de mais informações sobre si mesmo, é hora de arregaçar as mangas e começar a agir de acordo com um bom líder! Afinal de contas, de nada adianta saber o que deve ser mudado e trabalhado em si mesmo se você não se esforçar para colocar isso em prática em seu dia a dia profissional. Para isso, comece agora mesmo a fazer sua checklist:

Tenha um propósito

Pense por um minutinho: qual é seu maior objetivo ao exercer seu trabalho? A liderança depende quase que totalmente de você ser um exemplo para aqueles que lidera. Quem não tem um propósito, acaba se afogando em urgências e incêndios a serem apagados, não servindo de inspiração para absolutamente ninguém.

Exercite a empatia

Um bom líder possui uma grande capacidade de entender os outros, colocando-se no lugar das pessoas e se esforçando para entender suas razões e atitudes. Sempre que possível e necessário, exercite essa característica em vez de apenas condenar e julgar seus subordinados. Você pode se surpreender em como sua visão sobre determinadas pessoas ou situações pode mudar completamente!

Aprenda a escutar

Na mesma linha da empatia, a capacidade de escutar o que os outros têm a dizer conta muito para ter sua capacidade de liderança reconhecida. Pare tudo o que está fazendo no momento, olhe nos olhos da pessoa, preste atenção ao que ela está dizendo e espere que ela acabe de falar antes de emitir qualquer opinião ou fazer alguma pergunta. Todos gostam de ser escutados dessa maneira, sentindo-se valorizados e importantes. E isso é essencial na hora de conseguir uma equipe realmente coesa e engajada.

Aja com entusiasmo

Ao mesmo tempo em que otimismo, energia e entusiasmo no ambiente de trabalho são contagiantes, o mesmo se aplica à negatividade, à preguiça e à falta de motivação. E com qual desses cenários você prefere que sua equipe e seus colaboradores trabalhem? Não tem nem o que pensar, não é mesmo? Lembrando que você é o exemplo, que tal se manter entusiasmado?

Procure sempre aprender

Seja fazendo cursos, assistindo a palestras e seminários de sua área ou escutando atentamente conselhos e sugestões de todos que trabalham com você, o importante é estar sempre aberto ao aprendizado, ao novo. Isso ampliará significativamente sua capacidade de reflexão, abrindo novos horizontes. Também para servir de exemplo, um líder deve estar sempre aprendendo.

Delegue sem medo

Essa é uma das mais difíceis características de liderança a serem desenvolvidas. Isso porque o líder não é aquele que concentra todas as tarefas, realizando-as uma após a outra, sem cessar. Muito pelo contrário, inclusive! O bom líder precisa saber delegar tarefas para se concentrar nas atividades que dependem exclusivamente dele e de mais ninguém. Saber enxergar qual membro da equipe é mais capacitado para determinada tarefa está intimamente relacionado a saber liderar. Além disso, os colaboradores se sentem valorizados e confiantes com essa atitude, dando um up na motivação.

Seja criativo

Aprenda a expandir seus horizontes. Inove! Como é possível solucionar determinadas questões de maneira diferente? Dá para ter uma nova abordagem? Alguma metodologia de trabalho já consolidada pode ser modificada e melhorada? Reúna sua equipe e os incentive a criar e inovar juntamente com você!

Invista em aprendizado

As dicas dadas até agora são valiosíssimas para desenvolver sua capacidade de liderança com excelência. Porém, para uma visão mais completa e aprofundada da questão, o ideal é investir em cursos especializados na formação de líderes. Existem diversas modalidades disponíveis: cursos on-line ou presenciais, gratuitos ou pagos, de curta, média ou longa duração. Se você está realmente interessado em se tornar um bom líder, não hesite em buscar auxílio profissional! Você só tem a ganhar com essa atitude, dando um grande salto em sua forma de se relacionar com suas equipes e promovendo mudanças pra lá de positivas não só em sua carreira como em sua vida pessoal.

E então, pronto para dar passos firmes em direção ao desenvolvimento da liderança? Compartilhe sua história e suas impressões conosco e enriqueça a discussão!

Deixe seus comentários abaixo

Xando Natsume
Xando Natsume
Gerar conteúdo de valor é a proposta desse blog. Queremos contribuir para o seu crescimento e transformação da sua vida pessoal e profissional, explorando temas e assuntos relevantes para mudança de comportamento e carreira.
Você também pode ler
gestão-rh
Os maiores desafios da gestão de pessoas em pequenas empresas
62779-como-reconhecer-e-melhorar-um-ambiente-de-trabalho-toxico
Como reconhecer e melhorar um ambiente de trabalho tóxico?